Em Foco, Palatorium Walshiano 0

Palatorium walshiano: de 9 a 30 de Março


Recebemos um novo crítico no nosso Palatorium, o walshiano Carlos Alberto Carrilho. Contudo, a colheita nesta edição não é motivo para grandes entusiasmos. A excepção talvez seja Ah-ga-ssi (A Criada, 2016), o último filme de Park Chan-wook, que estreia esta quinta-feira. Muito menos consensual é Rester Vertical (Na Vertical, 2016) de Alain Guiraudie, cumprindo assim o realizador francês a sua aura de cineasta polémico. Muito divisivo é um dos filmes mais aclamados do último Festival de Cannes: Aquarius (2016) de Kleber Mendonça Filho vai de um a cinco no nosso Palatorium. Por fim, o mais unânime dos filmes é uma reposição: o magnífico Alice in den Städten (Alice nas Cidades, 1974) de Wim Wenders. Outro “filme” a fazer as delícias dos nossos críticos foi esse pedaço magistral de burlesco que envolveu o Professor Robert Kelly e uma entrevista acidentada para a BBC que resultou num tratado sobre a profundidade de campo.


Artigos relacionados

Sem Comentários

Deixe uma resposta