Em Foco, Palatorium Walshiano 0

Palatorium walshiano: de 22 de Setembro a 20 de Outubro


Estamos a 10 dias da sua estreia, mas um dos filmes portugueses mais aguardados do ano já conta com duas excelentes classificações da parte das nossas duas walshianas (Raquel Morais é a nossa mais recente crítica À pala). Outro filme português, no caso, sobre um nome maior do nosso cinema, marca pela positiva este Palatorium: a dedicatória filmada por João Botelho a Manoel de Oliveira, em O Cinema, Manoel de Oliveira e Eu (2016). Já estreado e visto por todo o painel crítico, Julieta (2016) de Almodóvar não embaraça, mas também não leva ninguém às nuvens. Foi quase “chapa 3” por parte de cada um dos walshianos. Muito mais tímida é a recepção ao muito badalado filme brasileiro Boi Neon (2016) de Gabriel Mascaro. Também parece não puxar carroça a mais recente comédia, a estrear em breve, de Woody Allen, Café Society (2016). Por fim, fazemos nosso o baile dado pelo seleccionador campeão da Europa à comunicação social.


Artigos relacionados

Sem Comentários

Deixe uma resposta